domingo, 12 de dezembro de 2010

Niver da Folhinha




Niver da Folhinha
nelson antonio



Encimando uma vida altaneira

Sob um céu de beleza infinita

Em Três Rios há uma moça escondida

Celebrando mais um ano de vida



Seu sorriso deslumbra o horizonte

E conquista o coração da gente

Seus emails tão frequentes e amáveis

De amizade verdadeira e decente



Seja Carmen, ou Quel, ou Folhinhas

Celebramos seu niver de pé

São cinquenta e quatro velinhas

De amor, esperança, e de fé



É feliz quem se enreda em teus ares

Pois és grande na paz, és serena

Se a Três Rios tu nos convidares

Todos iremos não será festa pequena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário