domingo, 12 de dezembro de 2010

Estar sozinho é estar com você...

Estar sozinho é estar com você...

nelson antonio, numa tarde de sábado morrendo com o mês de outubro



Algumas pacientes e alguns compromissos adiaram mais uma vez o meu feriado prolongado. Como viajar em sã consciência sabendo que há gente precisando de mim, tendo que contar com minha presença a qualquer hora ( imprevistos e nenens não avisam o dia que chegam...), além das pacientes que encheram minha agenda nos dois Postos de Saúde até o final de dezembro, enquanto meus colegas médicos insensíveis não abriram mão de sair com a família pelaí ? Eu não teria paz interior se a Medicina não fosse mais importante que minha necessidade de repouso.Todos daqui de casa viajaram , fazendas e Búzios, até mesmo os cachorros morreram há pouco para uma viagem sem volta, e fiquei a ver passarinhos tristes e mudos e a fazer vigília ao telefone de médico . Lá fora a vida corre também mais sossegada numa cidade esvaziada e sem nexo. Aqui, sozinho completamente nesta casa cheia de paredes e silêncios.

Então eu penso e descubro que, pensando em você, não estou sozinho... Você me preenche os espaços da mente, sorrio das suas loucas coisas lindas escrivinhadas , tento imaginá-la no que está fazendo ou mesmo no nada que está fazendo. Talvez esteja deitada preguiçosamente vendo algum programa sonífero das tardes de sábado, talvez na casa de amigos, talvez tentando achar-me em seus pensamentos. Quem sabe... pensa em mim mesmo estando com alguém?Quem sabe uma música ou poema a leva a lugares distantes daqui, perdida em devaneios, sonhando acordada ?

Estar sozinho é estar com você... Pois você não me deixa nunca em meus pensamentos. Paradoxalmente, do vizinho vem a música sertaneja Falando às Paredes invadindo meus espaços de solidão total. E dá-me uma vontade louca de sair correndo pela rua para dizer para você que estou sozinho, abandonado nesta casa sem alma, precisando tanto de você porque a amo. Roubá-la de você. Trazê-la para mim... para nós dois .

Mas prefiro calar-me. O silêncio fala dentro de mim mil coisas. Mas a mais importante de todas é que eu gosto de estar sozinho. Pois estou com você, agora.

Estar sozinho é estar com você...

Triste Felicidade de quem morrendo de fome de amar vive por migalhas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário