quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Olhos tristes... mas guerreiros !

















Olhos tristes... mas guerreiros !
30-12-2010


nelson antonio


Estas lágrimas que inundam o seu rosto,
Descendo dos seus olhos como cascatas,
Me lembram os riachos fecundando as matas,
São olhos que sorriem ante o desgosto.

A ternura aveludada do seu olhar
A pureza que se reflete em tantos brilhos,
Faz um milagre! Pois se um olho põe-se a chorar
O outro, comovido , sorri entre seus cílios!

Se os olhos ante o sofrimento entornam
E a gente se prosta como quem deplora...
Seja firme, alma guerreira, de coragem rara!

Lembre-se de Deus que não nos desampara
E não nos dá maior que nossa FORÇA tais procelas.
Enquanto Ela houver lute, e se lhe faltar.. lute sem Ela!












Um comentário:

  1. Vc me emociona, reúne sempre o melhor do melhor e pitaca com sua dor , solidão, maturidade, desejo, ah este desejo incontido .. pertencente apenas aos que de fato souberam amar.
    Eu choro sabia quando leio vc , vc assim, limpinho, criança, quase intocável, mas tão cristalino que chega ofuscar o coração de quem lê.
    Sempre primoroso do confessar.
    babo aqui de emoção, queria ser sua razão maior.
    Bjsssssssssssssssssssssssssssssssssss nelsito.
    Nádia*

    ResponderExcluir